Ex-vereador é preso por suspeita de estupro

A casa caiu para um ex-vereador, ele foi preso por suspeita de se passar por um policial federal para sequestrar e estuprar suas vitimas. De acordo com informações cinco mulheres teriam sido vítimas do ex-vereador. Duas já haviam registrado queixa contra ele por estupro e estelionato e outras três, que disseram ter conseguido fugir após sua abordagem, o reconheceram na delegacia. A polícia suspeita que ele se preparava para cometer outro crime, pois estava com simulacro de arma e com o distintivo falso da Receita Federal.

A delegada relatou também que o ex-vereador tinha duas maneiras de abordar as vítimas: além de usar uma arma e um documento falsos da Justiça Federal, ele também se passava por produtor de TV e que poderia ajudar na seleção de um reality show.  O ex-vereador Adson Muniz Santos, nega os crimes dizendo que não se lembra de nada. Segundo o advogado do acusado, o seu cliente toma remédios controlados e diz que não lembra dos ataques. O fato ocorreu na cidade de Jussiape, cidade da região da Chapada Diamantina, na Bahia. Informações via  jornal Folha de S. Paulo.

COMPARTILHAR